Você é daqueles que não se preocupa com o Seguro Viagem, porque seu cartão de crédito já oferece o benefício? Então vai aqui, algumas informações importantes.

Saber exatamente a diferença entre o benefício do cartão de crédito e uma assistência em viagens, pode fazer total diferença na hora de fechar sua “Trip”. A diferença entre os serviços prestados, está basicamente no tipo de atendimento e na cobertura ofertada.

Em geral, o Seguro oferecido pelo Cartão de Crédito garante a cobertura apenas nos casos onde a passagem aérea foi adquirida através dele. Contudo, a cobertura limita-se ao titular do cartão, e não cobre os demais participantes da viagem (como familiares por exemplo). O processo mais comum para utilização do seguro através do cartão de credito, é o modelo de reembolso, mediantes envio de comprovantes e dentro do teto estabelecido pelo cartão.

Assim, você deverá pagar pelo atendimento com seus recursos, e solicitar o reembolso cumprindo com as cláusulas de cobertura pactuadas com seu cartão de crédito. Portanto, fica claro que o benefício ofertado é limitado e depende de uma combinação de variáveis para sua utilização.

Do outro lado, temos as empresas que prestam serviços de Assistência em Viagens, especializadas nesse ramo e com inúmeras possibilidades de cobertura.

Empresas de Assistência oferecem os serviços através de sua rede credenciada, e você não precisa desembolsar nada por isso; uma vez que já está coberto em sua apólice. Cada empresa tem seus diferenciais, mas todas mantém o foco no que realmente interessa, a sua segurança e de seus familiares em primeiro lugar.

Os planos oferecem as mais variadas coberturas, tais como: despesas médicas e hospitalares (DMH), odontológicas, reembolso em caso de cancelamento da viagem, extravio ou perda de bagagem, entre outros.

Outra informação importante, é o valor da cobertura ofertada entre os planos de Assistência e os Cartões de Crédito. Por exemplo: Para países europeus que compreendem o “Tratado de Schengen”, o seguro viagem é obrigatório e deve ter cobertura de toda sua estadia com o mínimo de $30mil euros. Nesse caso, o viajante pode ter sua entrada recusada no País, mesmo de posse do visto de turismo aprovado.

Agora que você já sabe a diferença entre os dois, é hora de seguir com a cotação e comparar as vantágens que cada um pode oferecer. A escolha é sua!

Quer receber agora uma cotação sobre o melhor plano para sua viagem? CLIQUE AQUI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *